Chat do Blog

domingo, 30 de abril de 2017

Underground Catfight: Carine Felizardo X Nyvi Estephan!:)...enviado


Escrito por RaphaWre
Underground Catfight: Carine Felizardo X Nyvi Estephan

- Senhoraaas e Senhoreees, bem vindos a mais uma noite no nosso glorioso ringue de famosas! Dessa vez voltamos a trazer lutadoras novas para sempre ter mais novidades para vocês! Uma delas já foi requisitada por Andressa Urach como sua próxima oponente, porém é claro que ela não poderia enfrentar uma lutadora que já venceu aqui sem antes mostrar o seu valor, ela, com peitos e bundas magníficos, um verdadeiro tesão ambulante, a gostosíssima CARIINE, FELIZAAARDO!

A loira entrou e foi rebolando até o ringue, arrancando gritos de apoio da torcida, que já tinham nela a sua favorita, independente de quem fosse a oponente. Quando Andressa Urach havia destruído Isis Gomes, ela havia gritado que queria enfrentar  a Carine Felizardo, e se a loira vencesse hoje essa luta estaria mais próxima de acontecer, portanto a torcida apenas queria que ela liquidasse sua oponente de forma impiedosa.

A loira usava um micro shorts jeans preto que deixava mais da metade da polpa de sua bunda aparecendo e um top tomara que caia branco que mal cobria seus fartos seios. Ela andou até seu corner e ficou parada rebolando esperando sua oponente entrar, estava entusiasmada por aquela luta.

- E agora sua oponente, saída do mundo digital para o real, ela, a deliciosa, a deusa dos nerds, que tem um corpo perfeito e um rosto ainda mais lindo, a fantástica, gostosa e gamer, NYVIII ESTEPHAAAN - Parte do público ficou surpreso, ninguém esperava uma garota gamer naquele lugar, mas todos concordavam que ela era deliciosa, e torciam para ver o corpo magnífico dela sendo massacrado pela Carine.

A morena veio com uma calça legging preta que marcava muito bem sua bunda e uma blusinha regata branca decotada que realçava seus belos seios. A garota entrou acenando e sorrindo para o público, mas sua feição logo mudou quando ela percebeu que praticamente toda a torcida gritava para Carine acabar com ela. Nyvi estava acostumada a receber apoio do público, e não a ver ele todo contra ela, e aquilo mexia com a sua cabeça.

As duas estavam no ringue e se encaravam, quando Carine começou a lamber os lábios e a falar:
- Nossa garotinha, você tem um corpo muito bom, pode deixar que eu vou jogar e surrar ele pra todo lado, e te fazer gemer como uma puta antes de acabar com a sua raça. Ta ouvindo a platéia gritando pra te destruir? eles querem esse show e eu vou dar isso a eles.
Nyvi estava assustada antes mesmo da luta e não conseguiu responder sua adversária, mas sabia que não podia deixar aquilo acontecer.

- hahaha, que foi? gato comeu sua língua? você deveria falar agora, enquanto minah bunda ainda não está na sua cara acabando com você - Carine terminou essa frase e o gongo soou, fazendo com que ela imediatamente voasse na direção de Nyvi, que não estava preparada, e desse um forte soco no rosto da morena que apenas cambaleou pra trás

- Ha, se prepara pra morrer gata, e aqui não tem vida extra - Carine então deu um soco muito forte na barriga da morena, fazendo Nyvi se curvar sem ar, e na sequência deu um tapa em seu rosto, fazendo a gamer girar e dar alguns passos em direção as cordas, se apoiando nelas - Ok, vamos ver se a sua bunda seria párea para a minha - disse Felizardo, que então com uma mão segurou e puxou para trás o cabelo de nyvi e com a outra começou a estapear a bunda da morena, que, segurando nas cordas, gemia de dor
- ah, para, isso é muito  humilhante, a minha bunda... - a gamer falava, mas sem perceber que aquela frase apenas fazia ela se humilhar mais e aumentava a vontade de Carine acabar com ela. O público também ia cada vez mais gritando a favor da loira.

- Meu deus, já ta pedindo por piedade, a luta ainda nem começou direito - dizia carine enquanto continuava a estapear a bunda de Nyvi - você podia pelo menos tentar lutar de volta, garotinha.

Nyvi então soltou as cordas e deu um golpe com o cotovelo pra trás, acertando o rosto de Felizardo, que a soltou e recuou com a mão em seu rosto

- Isso! - comemorou Nyvi se virando para sua oponente, mas assim que Carine olhou de volta para ela com raiva, a morena por um segundo congelou de medo do olhar de sua oponente, o que era fatal naquele ringue

- Ok, sua vadia, agora chega, eu vou te espancar até a morte - a loira então andou na direção da morena, que tentou lhe acertar um soco no rosto, que Carine defendeu sem dificuldades com o braço esquerdo e aproveitou para segurar o braço de Nyvi, que olhou assustada para a sua oponente.

A loira então deu um soco poderosíssimo com seu braço direito no rosto de nyvi, que a teria feito andar muitos passos pra trás se não estivesse sendo segurada por um dos braços. Um segundo soco deixou a garota gamer completamente tonteando e com cara de groggy. O terceiro soco acabou com Nivy, que agora só via estrelas, e só não caía no chão porque era segurada pela adversária. E a cada soco a torcia vibrava e gritava coisas como "acaba com ela", "arranca a roupa dela', "mata essa fraca".

- E aí, é nessas horas que seus joguinhos gritam KO? - brincou a loira, ridicularizando a garota gamer - mas relaxa que eu ainda vou te espancar muito hoje, mas antes, deixa eu ver esses seus peitões maravilhosos - A loira então lançou a morena nas cordas, aonde a mesma caiu apoiada pelos braços sem conseguir fazer nada. Carine andou até sua presa e a virou para frente, e então rasgou a blusa de Nyvi, revelando seus belos seios e arracando um leve gemido da morena.

- hum, que gemidinha gostosa. vamos, quero ouvir mais - Então a loira começou a castigar impiedosamente o corpo da morena, com socos em seus seios, barriga e rosto, que apenas ia gritando de dor e gemendo com os golpes. Era um massacre absoluto. Quando parou de socar a morena, a loira apenas ficou olhando para seu trabalho. Nyvi se apoiava pelos braços sem força nenhuma, suas pernas estavam bambas e não eram o suficiente para mante-la de pé sozinhas, e olhava para sua dominadora com medo absoluto

- por favor, chega, só acaba comigo, me destrói de uma vez e acaba com esse sofrimento - suplicava Nyvi, e começava a chorar, arrancando risos da loira e gritos eufóricos da platéia.

- Ai, que demais, relaxa, nyvizinha, vou parar de te maltratar então e te dar um pouquinho de prazer - Carine então se encurvou na frente de Nyvi e começou a sugar o bico de um de seus seios, enquanto apertava e brincava com o outro. A morena gemia e pedia pra ela parar

Quando o gongo soou indicando o fim do primeiro round, Felizardo então parou o serviço nos seios da oponente e a puxou pelo cabelo - Aqui, deixa que eu te ajudo a chegar no seu corner - e arremessou a morena em seu corner, que bateu nele bruscamente e caiu sentada, colocando as mãos nos seios e tremendo. A loira voltou para seu corner rebolando e dando um show para o público.

Então, nesse intervalo, Andressa Urach apareceu do lado do ringue - e aí, sua vagabunda, ta aproveitando um momento de glória antes de ser aniquilada por mim???

Carine olhou com ódio para Andressa e respondeu - O que você pensa que ta falando? eu só to te dando um show do que eu vou fazer com você, sua perdedora! Porque não aproveita pra assistir e ver como você vai ser destruída?

O gongo então soou para o segundo round, e Carine partiu na direção de Nyvi com ainda mais ódio e vontade de aniquilar a morena, que mal conseguia se levantar em seu corner. A loira então levantou a morena pelo cabelo com uma mão e com a outra começou a dar tapas em seu rosto e em seus seios, enquanto a gamer apenas conseguir gemer de dor e chorar. A dominadora então lançou a oponente para ficar apoiada nas cordas mais uma vez, olhou para Urach, então se voltou para sua presa e começou a beliscar o bico de ambos os seios da morena, que gritava de dor. Parou então de castigas os seios da derrotada, olhou para sua rival mais uma vez, e começou a arrancar o próprio top, exibindo seus enormes seios e apertando eles com as próprias mãos, arrancando gritos da torcida, então puxou a morena para perto de si e começou a esmagar os peitos de Nyvi com seus próprios. Talvez Nyvi conseguisse enfrentar um titfight em uma luta normal, mas do jeito que tinha sido destruída só conseguia aceitar seus seios sendo humilhados pelos de Carine.

Urach não queria admitir, mas estava ficando muito excitada assistindo a destruição de Nyvi, então sentou em uma cadeira do lado do ringue, arrancou sua blusa e seu sutiã. revelando seus seios, começou a apertar um deles com uma mão, e a outra colocou dentro de sua própria calça e começou a se masturbar.

O público delirava, e um lado via Carine felizardo massacrando e aniquilando Nyvi Estephan, e do outro viam Andressa Urach se masturbando.

Dentro do ringue, A morena gritava enquanto seus seios eram esmagados - CHEGA, POR FAVOR, PARA DE ME HUMILHAR, VOCÊ JÁ ME DESTRUIU, JÁ ACABOU COMIGO, O QUE MAIS VOCÊ QUER? ME MASSACRAR NÃO É O BASTANTE PRA VOCÊ? - berrava e chorava a morena

A loira então soltou sua presa, olhou em seus olhos, riu e falou - Não, não é, só vai ser quando eu tiver aniquilado você da forma que uma puta como você merece, usando e acabando com a sua buceta - Carine então deu um forte chute entre as pernas da adversária, que fez Nyvi cair de joelhos com a mão entre as pernas, enquanto suplicava - Por favor, para.. eu nunca mais entro em um ringue contra você, eu admito que você é melhor, só me finaliza de vez e acaba com isso, eu não aguento mais ser humilhada - O público adorava as súplicas de Nyvi, e gritava cada vez mais pra loira atender a subjulgada.

Carine então segurou Nyvi, que continuava de joelhos na sua frente, pelo cabelo e mais uma vez deu um soco em seu rosto que fez a morena ver estrelas, então agachou do seu lado e falou com o rosto colado ao seu - você não ta entendendo, garotinha, não é questão de você admitir, não é uma escolha sua, não é você que tem que não entrar mais no ringue contra mim, sou EU que estou mostrando o quanto você é inferior, sou eu que estou te destruindo, você é minha, seu corpo é meu, sou eu que estou te mostrando o que é uma mulher de verdade e que você é só uma garota que não deveria estar aqui comigo, e agora sou EU que vou te fazer gozar como a puta que você é, e acabar de vez com esse nosso joguinho - Carine então lambeu o rosto da dominada e a jogou no chão, logo em seguida arrancou a calça e a calcinha de nyvi ,deixando sua adversária nua, derrotada e humilhada, se deitou em sua frente e começou a chupa-la. O público ia a loucura com os gemidos de Nyvi, enquanto Andressa ia acelerando sua mão sem seu serviço com si mesma.

Não demorou muito e Nyvi urrou e se contorceu indicando o gozo, ao mesmo tempo que Urach gozou em sua masturbação. Carine nem precisou esperar a contagem de dez segundos, os árbitros apenas a declararam vencedora enquanto retiravam Nyvi, completamente massacrada, destruída e humilhada, do ringue. Andressa então subiu no ringue, e as duas, com seios a mostra, ficaram frente a frente, encostando o bico dos seios, ao que andressa falou:

- É bom se preparar que eu vou acabar com você, sua vaca, eu só não te destruo agora porque você acabou de sair de uma luta, e eu quero te humilhar estando 100% para deixar claro o quão melhor eu sou do que você

- Você sabe que está enganada, sua prostituta, eu vou fazer com você o mesmo que eu fiz com essa vagabunda que acabei de aniquilar.

Enquanto as duas se encaravam e o público gritava eufórico para elas lutarem ali mesmo os organizadores anunciavam

- E A GRANDE VENCEDORA, HUMILHANDO, MASSACRANDO, DESMONTANDO E ARRASANDO IMPIEDOSAMENTE NYVI ESTEPHAN É A GOSTOSÍSSIMA CAROLINE FELIZAAARDO, QUE NA SEMANA QUE VEM, JÁ ESTANDO MARCADA A SUA PRÓXIMA LUTA, IRÁ ENFRENTAR ANDRESSA URACH PARA DECIDIR QUAL DAS DUAS É A MAIS FORTE!!!

2 comentários :

  1. Ótimo conto amigo, gostaria que vc escrevesse um conto Sabrina sato vs Lívia Andrade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pedido anotado, vou trabalhar nisso. Obrigado =)

      Excluir